onkeydown='return validateKey(event)'> onkeydown='return validateKey(event)'> expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Rocha de emoções







Rocha de emoções 
fortes, flébeis às vezes:
desencontradas;
-em busca de ancoradouro-.

Seguras.
e feito ondas do mar,
quebradas na chegada.

E o recomeço
de vivências agora
que são o futuro de ontem
com aparências de esperança.

E feito a bruma, a nuvem baixa, o vapor:
escorrego sobre pétalas!...

Juscelino V. Mendes



Sobre o texto 
Poema que exterioriza momentos de fortaleza, e, paradoxalmente, de fraqueza.
Momentos de reflexões filosóficas e teológicas, que desembocam na poesia.
E acalmam a inquietude do poeta.

Um comentário:

Bruno Gaspari disse...

Bela poesia, gostei!

Grande abraço