onkeydown='return validateKey(event)'> onkeydown='return validateKey(event)'> expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

sábado, 13 de junho de 2015

O amor

O amor precipita-se
feito a fulgurante flor;
e também dissipa-se,
aos pedaços, sem pudor.

Pétalas escorregam-se,
E, lançadas ao vento,
Como sementes, abrem-se
Em novo e desbravado alento.

Juscelino V. Mendes

Nenhum comentário: