onkeydown='return validateKey(event)'> onkeydown='return validateKey(event)'> expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

sexta-feira, 18 de março de 2016

Pensamento de Montesquieu aos petistas e afins


Tenho profundo respeito pela escolha política das pessoas, porque sou um democrata, mas lembro aqui as palavras de Montesquieu aos meus colegas, amigos, parentes, irmãos de fé que seguem o PT, a despeito de tudo que os seus líderes etc. têm feito de mal para este país, cobrando caro o que, em algum momento, fizeram de bom:


"Se eu soubesse algo que fosse útil a mim, mas prejudicial à minha família, eu o rejeitaria de meu espírito. Se soubesse de algo útil à minha família, mas não à minha pátria, procuraria esquecê-lo. Se soubesse de algo útil à minha pátria, mas prejudicial à Europa, ou então útil à Europa, mas prejudicial ao Gênero humano, consideraria isto um crime...".
(Montesquieu; "Mes pensées", vol. 1, p. 981).

Que nos sirva de alguma coisa construtiva!



Juscelino V. Mendes 

Um comentário:

JOÃO FRANCISCO MANTOVANELLI disse...

Quando agimos com ethos em escolher um político temos que refletir e pesquisar não apenas a ficha limpa, mas, seu plano de governo. Governar significa agir com e para a população na busca de melhorias da qualidade de vida. Quando a moral se pergunta o que devo fazer? Nas urnas esta pergunta deve ser reforçada no sentido da ética qual candidato apresenta conduta ilibada e um plano de governo que atua em favor das políticas públicas asseguradas na Constituição Federal defendendo a dignidade da população e não tomar a parte de um pequeno grupo. Agir moralmente na coletividade!!! Como nos ensinamentos de Rubem Alves: sonhar com os sonhos do povo.